telenovelas

em parceria com a Activa

Perfil

Lifestyle

9 coisas que não sabia sobre a família real

Eles enchem páginas de revistas e jornais com as suas novidades e escândalos, mas ainda há segredos que nem todos conhecem. Ora veja.

1 / 7

Paula Barroso

2 / 7

Paula Barroso

3 / 7

Paula Barroso

4 / 7

Paula Barroso

5 / 7

Paula Barroso

6 / 7

Paula Barroso

7 / 7

Paula Barroso

Peso em ouro
Charlotte tem só 3 anos, mas é um caso sério de popularidade. Tudo o que veste, ou até os brinquedos que prefere, esgotam em horas. Para a economia do país, vale mais de 5 biliões de euros.
Só calções, pequeno George!
Já reparou que o filho de Kate e William anda sempre de calções? Não se trata de coincidência, mas de uma tradição da Casa Real britânica que remonta ao século XVI: só os rapazes mais velhos e os homens podem usar calças.
Homenagem a Diana
À saída da maternidade, após o nascimento de George, Kate Middleton usou um vestido às bolinhas, tal como Diana usara aquando do nascimento de William, em 1982. Este ano, após dar à luz o pequeno Louis, optou pelo vermelho, tal como a sogra, por altura do nascimento de Harry, em 1984.
Medidas de proteção
Roupa colorida - A rainha de Inglaterra, Isabel II, usa cores vibrantes para que os guarda-costas a consigam identificar facilmente em situações críticas.
Dose de sangue - Quando viaja, a soberana é sempre acompanhada do seu médico particular, mas leva também reservas do seu tipo sanguíneo.
Comida - Para evitar intoxicações alimentares, a família real não come marisco fora do palácio.
Mimos de mãe
Em criança, William e Harry gostavam tanto de hambúrgueres, que a mãe, Diana, chegou a cancelar refeições preparadas pelo chef do palácio e a encomendar comida ao McDonald's.
Álcool na mala
Quando vão de viagem, Carlos e Camila levam roupa e... bebidas alcoólicas. Na bagagem vai o gin tónico do príncipe
e o vinho tinto dela.
Xô, má sorte!
19 de maio foi o dia escolhido por Harry e Meghan Markle para darem o nó. Contudo, a família real britânica não é fã de casamentos em maio, pois acreditam que o quinto mês do ano pode dar... azar.