telenovelas

em parceria com a Activa

Perfil

Novelas

Esta semana em 'Ouro Verde': Jorge é preso

Resumo semanal de 14 a 20 de abril da novela da TVI.

TeleNovelas

TVI Divulgação

Assim que sabe que Edu está vivo e na fazenda do seu inimigo, Laurentino arranja maneira de se encontrar com o ambientalista. Quando percebe que ele não tem memória do acidente, mostra-lhe mensagens e consegue convencê-lo que Jorge é o seu verdadeiro inimigo e que tentou matá-lo. Assim que se cruza com o fazendeiro, Edu acusa-o de o ter tramado em Lisboa e de o ter mandado matar, juntamente com Valéria, mas Jorge nega tudo. Edu não se convence e agarra numa pá para atingir o seu adversário, contudo este consegue escapar às tentativas para o atingir. Aparecida assiste a tudo, aterrorizada. Para se defender, quando o ambientalista lhe está a apertar o pescoço, Jorge agarra numa pedra e bate-lhe na cabeça. No mesmo instante o rapaz fica inanimado. A empregada grita e Bia aparece a correr, ficando em choque ao ver que o amado matou o amigo. Jorge manda chamar a polícia e apesar de alegar que agiu em legítima defesa acaba por ser detido.

Bia conta a Jorge que está grávida
No Brasil, Jorge ensina Henrique a montar a cavalo e o menino insiste para que Bia o acompanhe, montando também. Com medo por causa da gravidez, ela tenta escapar, mas Jorge provoca-a e ela acaba por ceder. Mas durante o passeio, Bia cai e perde os sentidos. Quando estão prestes a partir para o hospital, ela confirma-lhe que espera um filho dele. Jorge beija-a, emocionado.

Judite pede proteção a Vera
Ao ver o Lúcio no restaurante, Judite fica aflita e pede a Vera para mentir e explicar que ela estava a trabalhar numa data especifica. A patroa torce o nariz mas acaba por ajudar a cozinheira mas fá-la perceber que está furiosa.

Rita envenena José
Depois de Amanda e José casarem no hospital, Rita fica furiosa e, sem que ninguém se apercebam, coloca umas gotas de veneno na sopa do sogro. José sofre uma paragem cardíaca mas Mónica e Tiago conseguem agir a tempo de o salvar.

Cataria termina namoro com Tomás
Ao receber um telefonema de Tomás a convidá-la para jantar, Catarina fica radiante. No restaurante o filho de Miguel fica indignado ao ver um casal gay beijar-se e discute com eles. Catarina fica indignada com a atitude homofóbica do namorado e deixa-o ali. No dia seguinte põe fim à relação, afirmando que não quer ter ao lado alguém que pensa como ele.

Lúcio agride Joaquim
Sérgio conta a Lúcio que foi Joaquim que queimou o livro de Pezão. O marido de Paula invade o gabinete do colega e dá-lhe uma tareia.

Não perca!
Rita descobre que foi Miguel que mandou matar António e chama-o de assassino no restaurante de Vera