telenovelas

em parceria com a Activa

Perfil

Novelas

Esta semana em 'Amor Maior', Laura está viva

Resumo semanal de 7 a 13 de julho da novela da SIC.

SIC Divulgação

Afinal Laura está viva e mantida em cativeiro por Augusto que faz dela sua escrava sexual. Num momento em que o homem está a dormir, ela rouba-lhe a chave do cadeado que a mantém acorrentada, mas ele acorda e ela como medo coloca-as de novo no sitio. Ele pede-lhe que lhe prepare comida e ela de faca na mão, quando se sente abraçada por ele pensa em reagir, mas o bandido tira-lhe a faca da mão e obriga-a a ter relações com ele. Mais tarde convence-o a leva-la a passear e Edite, incrédula, vê os dois juntos.
Entretanto Clara procura Francisca e pergunta-lhe o que é que tem de fazer para ela deixar os irmãos em paz. A vilã deixa bem claro que quer que ela desapareça. A jovem dirige-se à campa dos pais. Tenta ser forte e convence-se que vai fazer o que é o melhor para todos. Conta a Afonso que tomou uma resolução que deixa o irmão aflito. Entretanto Clara dirige-se à PJ e diz a Sebastião que quer confessar um crime do qual participou.

Francisca recupera as enteadas
Afonso conta a Marta que está muito preocupado com o que Clara vai fazer e temendo pela irmã, Daniela e Marta resolvem, de livre vontade, voltar para casa da madrasta. A vilã fica muito contente ao ver as "filhas" chegarem e dá comprimidos à mais jovem, mas a miúda finge que os toma e deita-os fora.

Pilar está nas mãos de Francisca
A vilã faz de tudo para conseguir a guarda das sobrinhas e consequentemente o controlo das ações da fábrica e lança uma última cartada. Procura Pilar e impõe que esta leve as miúdas de volta para sua casa ou toda a gente vai ficar a saber que ela protegeu Ricardo e que escondeu provas de um crime. A inspetora não perde a postura e afirma que as sobrinhas não saem da sua casa, mas mais tarde confessa a Manel que não sabe o que fazer.

Guilherme volta para o pai
Manel e Sebastião interrogam o intermediário do Curador. Este confessa que o cabecilha do bando queria tramar Lobo. Para repor justiça, Manel liga e imediato para a Segurança Social para devolverem Guilherme ao pai. Lobo espera ansioso pelo filho na casa de chá. O menino chega com Graça e abraça o pai, dizendo que tinha mutas saudades dele. A assistente social informa que vai continuar por perto para confirmar que está tudo bem.

Telmo ameaça a ex-amante
Francisca atende uma chamada de um número desconhecido. É Telmo que perante as suas acusações sobre a reabertura do processo da morte de Laura, nega tudo. Admite mesmo que se quisesse fazê-lo já a tinha denunciado. Telmo porém quer mais dinheiro de Francisca para continuar com a boca fechada.

Casamento adiado
Tomané tem muita dificuldade em falar com o senhorio da nova casa. A noiva prepara um jantar de despedida com alguns amigos e todos comem camarão com maionese. No dia da cerimónia começa a ficar nervosa e mal-disposta. Alice identifica logo uma intoxicação alimentar e leva-a para o hospital. Em casa de Dolores, esta esquece o ferro de engomar em cima da camisa do noivo e queima-a.

Não perca
Manel encontra Clara no elevador e confronta-a com o que ela sente por ele. A rapariga afirma que já não sente nada e rejeita-o.