telenovelas

em parceria com a Activa

Perfil

Saúde

Saiba como proteger-se do frio que se está a fazer sentir

As diferenças de temperaturas e os hábitos comuns da estação, como manter as janelas fechadas, contribuem para a incidência de gripes, constipações e outros males causados por vírus e bactérias. Saiba como ficar mais forte!

TeleNovelas

iStock

HUMIDIFIQUE O AR
O clima seco fragiliza a mucosa das vias aéreas e pode potenciar o contágio de doenças respiratórias. Além disso, dificulta a saída das secreções, aumentando o risco de bronquite e pneumonia. Por isso, contar com um humidificador de ar é boa ideia. Tem de limpá-lo com regularidade– caso contrário, espalhará mais microrganismos pelo ambiente.

TENTE DORMIR MELHOR
Segundo uma pesquisa feita na Finlândia, uma só semana a dormir menos de quatro horas por noite pode provocar a diminuição nas defesas do corpo. É que a privação do descanso stressa o organismo e altera as funções do sistema imunológico. Se faz parte de equipa dos insones, cultive a tranquilidade nas horas que antecedem a ida para a cama: evite usar aparelhos eletrónicos, consumir alimentos e bebidas com cafeína ou muito pesadas e fazer atividades físicas excitantes.

LIMPE E HIDRATE O NARIZ
Uma medida complementar (e importante) para afastar a gripe é manter a mucosa nasal sempre bem hidratada. Para isso, lave o nariz com soro fisiológico no mínimo duas vezes por dia.

EVITE MULTIDÕES
Sítios com muita gente, como autocarros, metros e salas de cinema, favorecem a transmissão de doenças. Assim é mais provável que haja contacto com partículas contaminadas expelidas pela tosse e espirros. Se puder, escolha horários e locais de menor circulação.

LAVE AS MÃOS
Simples, a medida previne o contágio de vírus e bactérias através do contacto com as secreções de pessoas doentes. Repita a higienização várias vezes ao dia. Use água e sabão e esqueça a pressa: lave as mãos de 20 a 30 segundos.

iStock

COMBATA O STRESS
Uma pesquisa americana chegou à conclusão de que a meditação reduz em 76% a frequência de doenças. Isso porque a tranquilidade proporcionada pela prática deixa o corpo menos vulnerável a infeções. O ioga é outra alternativa: um estudo japonês descobriu que uma hora e meia de exercícios da modalidade pode duplicar os níveis de beta-defensina-2 no organismo, substância que combate microrganismos nocivos.

REFORCE A VITAMINA D
Um estudo americano, realizado com mais de 19 mil pessoas, apontou que aquelas que tinham menores níveis de vitamina D no sangue apresentaram casos de constipações e gripes com mais frequência. Para que organismo absorva a substância, é importante apanhar sol. Fique com os braços e pernas expostos de 15 a 20 minutos, diariamente, sem protetor – evite ficar no período entre 10 h e 16 h. O rosto deve ficar protegido pelo produto para prevenir manchas e evitar o envelhecimento precoce causado pelo sol.

iStock

MANTENHA A CASA LIMPA
Os ácaros podem causar transtornos à saúde, como episódios de rinite, asma e alergias respiratórias. Esses aracnídeos gostam de locais húmidos e quentes, e alimentam-se de restos de pele que se juntam à poeira. Para combatê-los, troque a roupa de cama semanalmente e invista na limpeza, utilizando o pano húmido e o aspirador.

MODERE NO ÁLCOOL
Beber mais do que dois copos de álcool por dia quando se está doente pode cortar o reflexo da tosse, que protege as nossas vias respiratórias porque expulsa visitantes indesejados. Quando isso ocorre, partículas ingeridas pela boca (e os germes que elas carregam) podem entrar nas vias aéreas, facilitando o desenvolvimento de doenças. O álcool também atua expandindo os vasos sanguíneos, congestionando mais ainda as nossas vias respiratórias.

iStock

BEBA CHÁ VERDE
Além de quentinha e revigorante, a bebida contém L-teanina, um dos antioxidantes mais eficientes no combate a gripes e resfriados. O aminoácido dá um impulso ao sistema imunológico e combate os invasores externos.

APOSTE NAS BACTÉRIAS DO BEM
Sabia que 80% do nosso sistema imunológico está localizado no aparelho digestivo? Por isso, manter a flora intestinal equilibrada é importante para o corpo todo. Para tal, consuma regularmente probióticos. Eles são produtos farmacêuticos ou alimentares (estão em iogurtes, leites fermentados ou em cápsulas) com um ou mais microrganismos vivos, como os lactobacilos, capazes de estimular o bom funcionamento da flora intestinal.

LIBERTE O CATARRO
Existe uma forma divertida de fazer isso: cantando! A vibração das cordas vocais ajuda a soltar o muco que se acumula no nariz e na garganta, facilitando a sua expulsão.

CONSUMA BASTANTE ZINCO
Pesquisas da Universidade de Alberta, no Canadá, indicam que este mineral ajuda na prevenção das constipações e, nas pessoas já infetadas, pode reduzir em até um dia e meio a duração dos sintomas. E o melhor é que as fontes desse mineral são deliciosas, entre elas: carne vermelha, aves, nozes, sementes e cacau.