telenovelas

em parceria com a Activa

Perfil

Saúde

Consultório: Quando tomar a vacina do tétano?

O dr. Jorge Barroso Dias responde!

TeleNovelas

iStock

Li que já não é obrigatório fazer a vacina do tétano de 10 em 10 anos, mas só de 20 em 20. Ainda há três meses, o médico reparou que a minha vacinação tinha passado a validade e até disse que devia fazer reforços. Afinal, em que ficamos?
Carolina, Setúbal


Na sua carta, não refere a sua idade. No entanto, se já tem mais de 65 anos, mantém-se o aconselhamento da vacinação todos os 10 anos.
O nosso conhecimento sobre as doenças e sobre a eficácia de medicação e vacinações também vai evoluindo. Estudos recentes têm demonstrado que a imunização ao tétano é mais duradoura do que se tinha pensado inicialmente.
Assim, o Plano Nacional de Vacinação para 2017 já implementa estas novas recomendações, aconselhando o reforço da vacinação contra o tétano e difteria, em doses reduzidas, aos 10, 25, 45 e 65 anos (e, depois dessa idade, de 10 em 10 anos).
No entanto, quem tiver deixado a vacinação caducar, pode necessitar de reforços adicionais.
Lembro que pessoas que desempenhem tarefas com risco de ferimentos profundos e potencialmente causadores de tétano (sobretudo com objetos ferrugentos e com terra) têm toda a vantagem em vacinar-se contra esta doença que pode dar morte muito dolorosa.