telenovelas

em parceria com a Activa

Perfil

Sexo

Consultório: Não sou feliz no meu casamento. O que devo fazer?

O dr. Quintino Aires responde!

iStock

Tive relações lésbicas na adolescência, mas aos 22 anos resolvi casar-me com um homem. Não me arrependo, pois tenho três filhos lindos que são tudo para mim, contudo, não sei gerir o meu casamento. Não sei como dizê-lo ao meu marido, nem tão-pouco aceito esta realidade. Estou perdida e só penso em matar-me.
Sónia, por e-mail

É uma pena que a sociedade, no século XXI, ainda não consiga libertar as pessoas para fazerem um caminho no sentido de uma realização pessoal. A culpa não é sua, está apenas a tentar viver a vida da maneira que lhe ensinaram. Quer fazer tudo certinho, mas o problema é que lhe mentiram: é mentira que as mulheres se apaixonam apenas por homens, e é mentira que os homens se apaixonam sempre por mulheres. E também é mentira que conseguimos anular a nossa personalidade para fazer o que os outros querem que façamos. No entanto, este é o momento para ganhar coragem e viver. Comece por desabafar com o seu marido, ele poderá ser o seu maior cúmplice, amigo e conselheiro neste momento tão exigente da sua vida. Mas se não for o caso, se ele não entender, procure a ajuda de um especialista. Só não pode desistir! Não se pode perder uma vida só porque uma parte da sociedade a impede de ser quem se é. Força!