telenovelas

em parceria com a Activa

Perfil

Novelas

Não perca em 'A Teia': Mónica iliba Simão

Ao saber que o pai da filha pode vir a ser preso, a vilã ajuda-o a fugir e mente em tribunal, mas acaba por se tornar suspeita.

Suspeito de ter provocado o atentado que quase matou Jaime, Simão simula a própria morte, tal como lhe revelámos na edição anterior. E conta com uma ajuda surpreendente: a da mãe da filha, que decide dar-lhe uma prova de amor, ajudando-o a fugir. Escondido num armazém, o lutador agradece a Mónica o auxílio que lhe prestou e explica que precisa de descobrir o que levou a empregada do hotel a acusá-lo de tentar matar o irmão. A mãe de Inês promete tratar do assunto.
Dias depois, Augusto acaba por descobrir o esconderijo do filho e vai ter com ele. O reencontro é emocionante e os três criam um plano para provar a inocência de Simão. Manipulada pelo ex-sogro, Mónica vai à PJ e diz que está ali para declarar que o “ex” não tentou matar Jaime, uma vez que nessa noite estiveram os dois juntos. O lutador diz sentir-se mal com a mentira que criaram, mas a vilã e Augusto tentam fazê-lo ver que é o melhor para ambos. Entretanto, Tiago volta ao hotel para falar com a empregada e esta admite não ter visto Simão a fugir na noite em que o marido de Cecília foi atacado mas, sim, uma mulher. Depois, aponta para a fotografia de Mónica.