telenovelas

em parceria com a Activa

Perfil

Sexo

A gravidez altera o apetite sexual?

O dr. Quintino Aires responde!

PeopleImages

Estou no fim do terceiro mês de gravidez e o meu marido insiste em retomarmos as relações íntimas. O problema é que não tenho apetite sexual. Será que vai ser assim até ao fim da gestação? Júlia, por e-mail
A gravidez não deve perturbar o apetite sexual. Naturalmente que nos últimos meses algumas posições são mais difíceis e por isso normalmente são substituídas por outras, mas o sexo, salvo indicação médica em contrário, deve continuar até ao final da gestação. Repare que a gravidez é algo do casal, dos dois. E marca o amor que os une, com o sexo como o principal mediador. Sim, o sexo, porque tudo o resto que há entre o casal, como amizade e admiração, também podemos sentir por muitas outras pessoas. Se exclui o sexo ainda na gravidez é como se estivesse a eliminar o seu companheiro do papel de marido e de pai nesse vosso projeto. Mais, quando a gravidez ou o nascimento da criança interfere no sexo, diminuindo-o, normalmente depois a relação com a criança fica demasiado tóxica por parte da mãe e o desenvolvimento psicológico do filho comprometido.